Menu
Atualizado em 20/07/2019 às 14h20

CRM-AC abre sindicância para apurar conduta de médico preso em operação da polícia civil

Investigações da Polícia Civil do Acre apontam que o médico Giovanni Casseb receitava anabolizantes para pacientes. Conselho Regional de Medicina abre sindicância para apurar conduta de médico
Divulgação/Conselho Regional de Medicina (CRM)
O Conselho Regional de Medicina do Acre (CRM-AC) abriu um procedimento interno – sindicância - para apurar se o médico Giovanni Casseb, preso temporariamente durante desdobramento da operação de combate à venda ilegal de anabolizantes da Polícia Civil, nesta sexta-feira (19), cometeu infração ética.
As investigações da Polícia Civil do Acre apontam que Casseb receitava anabolizantes para os pacientes. Além disso, o profissional é suspeito de fazer parte de uma rede de distribuição do medicamento.
A presidente do CRM, Leuda Davalos, disse ao G1 que o CRM não recebeu nenhuma informação oficial ainda. Mas, o procedimento foi aberto ainda na sexta e na segunda-feira (22) o conselho vai se...

Fonte: Globo.com

AC - Rio Branco

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS