Menu
Atualizado em 17/08/2019 às 21h00

Faltas de professores e alunos são principais problemas na reposição de aulas perdidas durante greve, diz MP-AM

Ao todo, quatro escolas foram visitadas pelos membros do Comissão de Acompanhamento do Calendário 2019. Faltas de professores e evasão de alunos são problemas na reposição de aulas perdidas durante greve, diz MP-AM
Divulgação/MP-AM
O Ministério Público do Amazonas (MP-AM) vistoriou, neste sábado (17), o cumprimento do calendário especial nas escolas que aderiram à greve dos professores da rede pública, deflagrada entre os meses de abril e maio deste ano. A constatação da promotoria é de que todos colégios visitados apresentam algum tipo de problema - com alunos faltosos e professores ausentes sendo os principais.
Ao todo, quatro escolas foram visitadas pelos membros do Comissão de Acompanhamento do Calendário 2019, da qual a promotora de Justiça Delisa Vieiralves, titular da 59ª Promotoria de Justiça da Educação (Prodhed), faz parte. São elas Escola Estadual Isaac Swerner, Escola Estadual Ernesto Penafort, Escola Estadual Olha...

Fonte: Globo.com

AM - Manaus

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS