Menu
Atualizado em 12/06/2019 às 08h00

Roraima exporta 194 kg de ouro à Índia sem ter nenhuma mina operando legalmente

Vendas ocorrem enquanto Terra Indígena Yanomami enfrenta maior invasão de garimpeiros desde os anos 1990; autoridades investigam possível fraude para 'esquentar' ouro extraído ilegalmente do território e abastecer indústrias de joias na Índia. Garimpo na Terra Indígena Yanomami, onde índice de pessoas contaminadas por mercúrio chega a 92% em algumas aldeias
ISA
Policiais federais, procuradores e técnicos da Agência Nacional de Mineração (ANM) tentam decifrar um enigma: como o ouro se tornou em 2019 o segundo maior produto de exportação de Roraima sem que o Estado tenha uma única mina operando legalmente?
As exportações têm como destino quase exclusivo a Índia e ocorrem enquanto a Terra Indígena Yanomami, parcialmente localizada em Roraima, enfrenta a maior invasão de garimpeiros desde sua demarcação, nos anos 1990 - o que leva autoridades ouvidas pela BBC News Brasil a afirmar que o ouro exportado está sendo retirado ilegalmente do...

Fonte: Globo.com

DF - Brasília

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS