Menu
Atualizado em 25/06/2019 às 20h40

Em meio a crise, estados transferiram 226 detentos para prisões federais


A crise no sistema prisional nos estados, entre superlotação, chacinas e risco de fuga em massa, levou 20 estados a solicitar auxílio do governo federal para receber parte de seus presos. 

De acordo a dados inéditos obtidos pela Folha, até esta terça-feira (25), um total de 226 presos tinham sido enviadas dos estados para uma das cinco penitenciárias administradas pela gestão Jair Bolsonaro (PSL).

Tal número é mais do que suficiente para preencher uma unidade que, pelo modelo adotado, tem capacidade para 208 pessoas. A capacidade total do sistema é de 1.040 detentos, em cinco unidades: Brasília (DF), Mossoró (RN), Porto Velho (RO), Campo Grande (MS) e Catanduvas (PR).
Leia mais (06/25/2019 - 21h25)

Fonte: Folha UOL

MS - Campo Grande

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS