Menu
Atualizado em 09/09/2019 às 15h40

Indústria automotiva da Alemanha tenta se recuperar no Salão de Frankfurt

Evento, que começa nesta terça-feira (10), terá mercado de olho nos investimentos das montadoras alemãs nos carros elétricos e com ausência de grandes marcas mundiais. Salão de Frankfurt em 2017
AP Photo/Michael Probst
Abandonado por alguns fabricantes e criticado por ambientalistas, o Salão de Frankfurt abre suas portas à imprensa nesta terça-feira (10), a fim de exibir uma vitrine do setor alemão – atualmente debilitado, mas em busca de se renovar com as versões elétricas.
O evento, que exibe o poderio desta indústria alemã, ocorrerá entre os dias 12 a 22 de setembro, em meio a uma crise.
Salão de Frankfurt: veja 15 carros que devem ser destaque
As gigantes japonesas Toyota e Nissan, as americanas General Motors e Fiat-Chrysler e as francesas Renault, Peugeot e Citroën estarão ausentes. Tampouco participam a americana Tesla, nem grandes grupos de luxo, como Bentley, Ferrari, Maserati e Rolls-Royce.
"Nunca houve tantos...

Carros e Motos

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS