Menu
Atualizado em 20/07/2019 às 11h40

Dodge é contra obrigar Petrobras a abastecer navios iranianos parados no porto de Paranaguá

Presidente do STF ainda dará decisão definitiva sobre o caso. TJ do Paraná havia obrigado abastecimento, mas Dias Toffoli suspendeu até governo e PGR se manifestarem. A procuradora-geral da República, Raquel Dodge
Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, opinou nesta sexta-feira (19) para que a Petrobras não seja obrigada a fornecer combustível a duas embarcações iranianas que estão no porto de Paranaguá, no Paraná.
Para Dodge, a empresa não comprovou que tem direito ao combustível da Petrobras e pode obter o produto de outra forma, como, por exemplo, pedindo envio de combustível iraniano para abastecer os navios. Além disso, a procuradora considera que deve ser levada em conta o argumento do Brasil de que pode haver prejuízo para as relações diplomáticas com os Estados Unidos.
O parecer foi enviado ao ministro Dias Toffoli, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), que ainda terá...

Fonte: Globo.com

Economia e Finanças

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS