Menu
Atualizado em 18/08/2019 às 13h20

Zumba: a história do colombiano que criou sem querer um negócio milionário

Quando o bailarino Beto Pérez esqueceu em casa a fita com as músicas que usava em suas aulas de dança, ele precisou improvisar –e criou assim um novo tipo de exercício físico embalado por ritmos latinos que se espalhou pelas academias de todo o mundo. Beto Perez agora é co-proprietário de um negócio global de US$ 500 milhões
Zumba Fitness
Foi por causa de uma distração que o bailarino Beto Pérez tornou-se um dos donos de um negócio global avaliado em US$ 500 milhões (quase R$ 2 bilhões), a zumba.
Em 1986, Pérez –então com 16 anos– dava aulas de aeróbica em sua cidade natal, Cali, no sudoeste da Colômbia. Ele usava uma fita cassete com uma sequência de músicas escolhidas por seu patrão, com faixas de artistas como Madonna e Michael Jackson.
Mas, certo dia, deixou a fita em casa e teve de pensar rapidamente em uma solução. "Não tive escolha a não ser usar uma outra fita que tinha no carro e improvisar", diz Pérez, hoje com...

Fonte: Globo.com

Economia e Finanças

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS