Menu
Atualizado em 11/09/2019 às 16h20

CEO da Boeing diz que 737 MAX pode voltar a voar gradualmente

Aeronaves desse modelo estão em solo desde meados de março, após dois acidentes fatais O avião 737 MAX da Boeing pode ser autorizado a voltar a voar gradualmente, afirmou o CEO da empresa, Dennis Muilenburg, acrescentando que há a possibilidade de isso acontecer ainda este ano.
"Uma possibilidade é a liberação em fases", disse Muilenberg em uma conferência para investidores, na Califórnia, EUA.
A aeronave está em solo desde meados de março, após dois acidentes fatais, mas pode voltar a operar em um cronograma escalonado em diferentes países.
Aviões modelo Boeing 737 MAX 8 estacionados em depósito de aeronaves do aeroporto de Victorville, na Califórnia
Mike Blake/Reuters
Muilenburg disse que a empresa ainda está trabalhando alguns pontos com a Administração Federal de Aviação americana (FAA, na sigla em inglês), mas que "todo esse trabalho sustenta nosso planejamento de uma volta ao serviço mais cedo no quarto trimestre".

Fonte: Globo.com

Economia e Finanças

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS