Menu
Atualizado em 04/06/2019 às 15h59

Para membros do Supremo, religião deles é irrelevante para atividade de ministro


A religião de um ministro do Supremo Tribunal Federal é irrelevante para as atividades que desempenha, consideram integrantes da corte. A questão veio à tona na sexta-feira (31), quando o presidente Jair Bolsonaro (PSL) perguntou se não está na hora de termos um evangélico como ministro do STF.
Leia mais (06/04/2019 - 16h00)

Fonte: Folha UOL

Gospel

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS