Menu
Atualizado em 25/06/2019 às 04h20

Oito anos depois de chocar o Brasil, safári de caça a onças no Pantanal teve maior parte dos crimes prescritos

Decisão judicial mais recente foi publicada na semana passada, e confirmou a prescrição de seis dos 11 crimes aos quais respondiam cinco réus brasileiros e estrangeiros. Compensação pela caça ou pesca no Pantanal é convertida em recursos para a fiscalização
Um vídeo mostrando uma onça-pintada despencando de uma árvore após levar um tiro chocou o país em 6 de maio de 2011, quando o Jornal Nacional divulgou os vídeos de um safári de caça a onças-pintadas e outros animais silvestres em Mato Grosso do Sul. Oito anos depois, o que começou com uma investigação da Polícia Militar Ambiental do estado e se transformou em uma operação da Polícia Federal acabou se arrastando na Justiça.
Agora, boa parte dos crimes pelos quais os réus foram denunciados já prescreveu, o que quer dizer que o período em que a Justiça poderia julgar e puni-los foi esgotado. Além disso, dois dos sete réus originais já não podem mais responder pelos crimes.
A...

Fonte: Globo.com

Meio Ambiente

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS