Menu
Atualizado em 18/08/2019 às 10h40

Geleira que derreteu na Islândia ganha 'lápide' com alerta sobre o aquecimento global

À esquerda, a geleira Okjokull, na Islândia, em uma foto de setembro de 1986, quando ela ocupava 3 km² quadrados. À direita, a mesma geleira em agosto de 2019, com menos de 1 km²
Nasa/AP
Ela se chamava Okjökull, mas em 2014 foi declarada 'morta'. Desde então, passou a ser conhecida apenas como Ok, a primeira geleira da Islândia a perder esse status, porque derreteu. Neste domingo (18), o local onde ela ficava ganhou uma placa para relembrar o que em 1901 era uma massa compacta de gelo ocupando cerca de 38 km², mas, em 1º de agosto de 2019, tinha menos de 1 km².
Além de relembrar o passado, a placa contém ainda um alerta para o futuro e uma explicação às próximas gerações:
"Okjökull é a primeira geleira islandesa a perder seu status de geleira. 'Nos próximos 200 anos todas as nossas geleiras devem seguir o mesmo caminho. Esse monumento atesta que nós sabemos o que está acontecendo e o que deve ser feito. Só vocês sabem se...

Fonte: Globo.com

Meio Ambiente

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS