Menu
Atualizado em 02/09/2019 às 09h00

Bolsonaro diz que vai à ONU 'nem que seja de cadeira de rodas' para falar sobre Amazônia

Presidente fará cirurgia no fim de semana para tratar uma hérnia e deve ficar 10 dias em repouso. Assembleia-geral da ONU, em Nova York, está marcada para começar no dia 20. Bolsonaro disse que vai participar da reunião da ONU 'nem que seja de cadeira de rodas'
O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira (2) que participará da Assembleia-Geral da Organização das Nações Unidas (ONU) "nem que seja de cadeira de rodas". O presidente disse que pretende falar no evento sobre a Floresta Amazônica.
Bolsonaro passará por uma cirurgia no domingo (8) para corrigir uma hérnia (saliência do tecido) que surgiu no local onde ele fez três intervenções em decorrência da facada sofrida durante a campanha eleitoral do ano passado. Os médicos estima que ele deve ficar 10 dias de repouso. A Assembleia-Geral da ONU está marcada para começar no dia 20 de setembro, em Nova York.
"Eu vou comparecer à ONU nem que seja de cadeira de rodas, de maca,...

Fonte: Globo.com

Meio Ambiente

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS