Menu
Atualizado em 22/05/2019 às 12h00

Hospital suspende realização de partos por falta de vagas na UTI neonatal em Balneário Camboriú

A unidade tem 12 recém-nascidos e outras duas gestantes estão no centro obstétrico.
Hospital suspende realização de partos em Balneário Camboriú
O Hospital Municipal Ruth Cardoso, único que atende pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em Balneário Camboriú, no Litoral Norte catarinense, suspendeu a realização de partos, por causa da superlotação na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) neonatal.
Segundo a unidade de saúde, a medida seria inicialmente temporária, com o prazo estabelecido de 48 horas a partir de segunda-feira (20). No entanto, a situação foi reavaliada nesta quarta-feira (22) e o atendimento segue interrompido por tempo indeterminado.
O hospital tem seis leitos de UTI neonatal e 12 recém-nascidos internados precisando de cuidados intensivos, além de duas gestantes, que estão no Centro Obstétrico.
Segundo o município, o problema estaria ocorrendo no hospital que é administrado pela prefeitura, porque pacientes de...


Fonte: Globo.com
Comente esse artigo

Brasil

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS