Menu
Atualizado em 11/09/2019 às 02h00

Dono da Riachuelo critica proposta de CPMF do governo


O empresário Flávio Rocha (Riachuelo) foi o grande defensor do retorno de uma CPMF modernizada, mas ficou decepcionado com o anúncio do governo de que quer taxar em 0,4% os saques e depósitos em dinheiro. "Estão adotando base muito pequena, que pega só contas bancárias, 3% do volume de pagamento", diz. Rocha segue tentando abordar congressistas para defender seu modelo, que, segundo ele, permitiria alíquota menor, mas todas as transações seriam atingidas.
Leia mais (09/11/2019 - 02h31)

Fonte: Folha UOL

Brasil

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS