Menu
Atualizado em 09/10/2019 às 15h40

Paraenses que moram longe da capital falam sobre a emoção de voltar a Belém durante o Círio de Nazaré

Quem está longe passa o domingo assistindo pela internet ou televisão, quem chega a Belém acompanha a pé, na corda, numa sacada com vista para procissão. O importante é fazer parte do momento. Acompanhar o Círio de Nazaré é mais uma questão de fé do que quantos quilômetros são percorridos. Quem está longe passa o domingo assistindo pela internet ou televisão, quem chega a Belém acompanha a pé, na corda, numa sacada com vista para procissão. O importante é fazer parte do momento. Paraenses que moram fora de Belém costumam vir a capital para ver a santinha passar pelas ruas.
O paraense Bruno Moraes está morando há oito meses em Salvador, mas não abriu mão de vir para terra natal durante o Círio. Ele já acompanha há 15 anos a procissão na corda e diz que sempre vai ter motivos para agradecer a Nossa Senhora.
O produtor Bruno Moraes acompanha o Círio todos os anos na corda.
Arquivo Pessoal
“Minha santa já atendeu minhas...

Fonte: Globo.com

PA - Belém

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS