Menu
Atualizado em 18/06/2019 às 12h00

Proposta de relatório conclui que Governo Regional não favoreceu AFAVIAS

“A AFAVIAS teve um tratamento igual às demais empresas de construção civil que também tinham valores em dívida a receber do Governo Regional, sem qualquer condição especial ou diferenciadora em seu proveito. Não existiram quaisquer pagamentos a mais, antecipados ou postecipados, mas antes o estrito e escrupuloso cumprimento da sentença judicial e da lei”. Esta é uma das principais conclusões da proposta de relatório que será analisada e votada, esta tarde, a partir das 17h00, no âmbito da comissão de inquérito às relações financeiras entre o Governo Regional da Madeira e a empresa ‘AFAVIAS - Engenharia e Constrições’, a qual foi presidida por Élvio Encarnação e que teve por relator Joaquim Marujo, ambos deputados do PSD.A mesma proposta de relatório conclui que “a acusação dos autores da comissão de inquérito [dez deputados do JPP e do PS] revelou-se falsa e de má fé, uma vez que ficou provado que o vice-presidente do Governo Regional nunca foi...

Portugal

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS