Menu
Atualizado em 09/10/2019 às 16h00

TRF-4 reduz 51 dias da pena de José Dirceu em processo da Operação Lava Jato

Magistrados entenderam que ex-ministro tem direito a descontar o período em que ficou preso preventivamente, em 2017, mas não o período em que usou tornozeleira eletrônica. Defesa deve recorrer ao STJ. O ex-ministro José Dirceu, em junho de 2018, em frente ao fórum do Tribunal de Justiça do Distrito Federal
Marcelo Camargo/Agência Brasil
A 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) aceitou, na tarde desta quarta-feira (9), reduzir a pena do ex-ministro José Dirceu em 51 dias. O período corresponde ao tempo em que ele ficou preso preventivamente por duas condenações ao mesmo tempo, por processos originados na Operação Lava Jato.
Dirceu está preso no Complexo Médico-Penal, em Pinhais, no Paraná, desde maio, após ter recursos negados no TRF-4. Esta foi a segunda condenação do ex-ministro pela Lava Jato, a oito anos, 10 meses e 28 dias de regime fechado, por crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Ele respondeu...

Fonte: Globo.com

PR - Curitiba

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS