Menu
Atualizado em 18/06/2019 às 15h20

Sobrinho que chorou no velório de tio após matá-lo a marteladas é condenado: 'Frio e calculista', diz juiz

Jovem invadiu quarto do tio quando ele repousava; Crime ocorreu em setembro de 2018, em Ariquemes (RO). Decisão saiu após mais de sete horas de júri em Ariquemes
Diêgo Holanda/G1
Depois de sete horas e meia de julgamento, o jovem acusado de matar o tio Baltazar Bernadino Dias, de 53 anos, com golpes de martelo na cabeça, foi condenado a 22 anos de prisão. O júri foi na última segunda-feira (17), no Fórum de Ariquemes (RO), no Vale do Jamari. Renan Daquilas Dias deverá cumprir a pena inicialmente em regime fechado.
Testemunhas contaram, durante as investigações que, após a morte de Baltazar, Renan compareceu ao velório do tio, onde afirmou estar 'desolado' e chorava pela morte, dizendo, inclusive, que se vingaria de quem tivesse cometido o crime.
Conforme a sentença, sete testemunhas foram ouvidas durante a sessão e posteriormente se iniciou o debate entre promotor de justiça e o advogado do réu. Para o promotor Anderson Batista de...

Fonte: Globo.com

RO - Porto Velho

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS