Menu
Atualizado em 09/10/2019 às 13h00

Caso Lauanny Hester: madrasta de menina assassinada é levada para presídio em Porto Velho

Decisão de transferência partiu da juíza da Vara de Execuções Penais de Ariquemes. Ingrid Bernardino, de 23 anos, tinha uma condenação em aberto por participação em um roubo. Madrasta a menina foi transferida para Porto Velho.
Polícia Civil/Divulgação
A madrasta da menina Lauanny Hester Rodrigues foi transferida do presídio feminino de Ariquemes (RO), no Vale do Jamari, à capital Porto Velho. A decisão partiu da juíza da Vara de Execuções Penais. Conforme a Justiça, Ingrid Bernardino Andrade, de 23 anos, tinha uma condenação em aberto por participação em um roubo. Não há informações de quando a transferência foi feita.
O advogado de Ingrid informou que tenta, no momento, encaminhar a mulher de volta para Ariquemes. Ingrid é suspeita de espancar até a morte a criança, então de 2 anos, sua enteada, na manhã de 21 de setembro.
O pai da vítima, William Monteiro da Silva, de 25 anos, está preso desde o dia do crime no...

Fonte: Globo.com

RO - Porto Velho

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS