Menu
Atualizado em 12/07/2019 às 19h40

MP denuncia 99 taxistas de Porto Alegre por falsificação de exame toxicológico

Promotor diz que já identificou um possível fornecedor dos laudos falsos, que custavam, em média, R$ 300. Caso foi mostrado em abril deste ano pelo RBS Notícias. Taxistas são denunciados por falsificação de exame obrigatório
O Ministério Público do Rio Grande do Sul denunciou 99 taxistas de Porto Alegre por falsificarem exames toxicológicos. A capital gaúcha é a única do país a impor a exigência do teste na categoria.
O caso foi mostrado em abril deste ano pelo RBS Notícias. Se a denúncia do MP for aceita, os 99 taxistas serão denunciados por falsificação de documentos.
"Em razão de terem juntado no momento da renovação da carteira, que permite utilização do táxi, exploração econômica do táxi, eles apresentaram um laudo toxicológico falso, apontando que eles não tinham usado drogas nos últimos quatro, seis meses", explica o promotor de justiça Flavio Duarte.
Segundo o Ministério Público, havia duas formas de fraude. Na...

Fonte: Globo.com

RS - Porto Alegre

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS