Menu
Atualizado em 22/08/2019 às 18h20

Vítima do ataque em Charqueadas relata que se feriu ajudando colegas: 'Me pus de escudo'

Aluno de 12 anos foi atingido pela machadinha nas costas e teve um corte de 5cm. Escola retomará as atividades na próxima segunda-feira (26). Menino teve corte de 5cm na região lombar
Arquivo Pessoal
Um dia após o ataque ao Instituto Estadual Educacional Assis Chateaubriand, que resultou na apreensão de um adolescente de 17 anos, na quarta-feira (21), os alunos que foram machucados estão todos bem, em casa. Aos poucos, as feridas emocionais também começam a cicatrizar.
A reflexão é do estudante Nicollas Camargo, 12 anos, um dos meninos que foram atingidos por golpes de machadinha. Ele afirma que o corte de 5cm na região lombar não dói. O que incomoda são os pontos e o curativo.
Nesta manhã, ele compareceu à reunião promovida pela escola para tranquilizar a comunidade escolar e explicar que as aulas serão retomadas apenas na próxima segunda-feira (26). Segundo o garoto, as emoções envolvidas eram as mais variadas, embora, de maneira...

Fonte: Globo.com

RS - Porto Alegre

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS