Menu
Atualizado em 14/09/2019 às 21h20

Homem é condenado a 21 anos por atirar em PM que ficou paraplégico em Porto Alegre

Defesa nega autoria e diz que irá recorrer. Outro réu do caso recebeu pena menor e está em regime aberto. Policial militar foi baleado após abordar veículo suspeito no bairro Agronomia, em Porto Alegre, em 2014. Policial levou três tiros durante ocorrência no bairro Agronomia, em Porto Alegre, em 2014
Paulo Ledur/RBS TV
Um homem foi condenado a 21 anos e sete meses de prisão em julgamento popular na sexta-feira (13), em Porto Alegre. Maikel Francisco Cardoso Ramires foi acusado de disparar contra um policial militar no bairro Agronomia, em 2014. O PM ficou paraplégico. Outro réu também foi condenado, mas a uma pena menor, de 234 dias de reclusão em regime aberto.
A defesa de Maikel vai recorrer. Segundo a advogada Gisela de Almeida, ele não estava no local do crime. "As vítimas [dos disparos] não reconheceram ele no dia dos fatos. Passados quatro meses os policiais chegaram até ele, após denúncias anônimas."
A condenação dele é por...

Fonte: Globo.com

RS - Porto Alegre

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS