Menu
Atualizado em 17/09/2019 às 12h20

Após decisão do STF, Instituto de Estratégia de Saúde da Família será fechado em Porto Alegre

IMESF, que atende cerca de 500 mil pessoas na atenção primária do SUS da Capital, deixa de existir. Na manhã desta terça (17), prefeitura anunciou contratação de plano emergencial. Prefeito Nelson Marchezan Junior anuncia plano emergencial para a saúde básica
Joel Vargas/PMPA
O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu na última quinta-feira (12) pela inconstitucionalidade do Instituto Municipal de Estratégia de Saúde da Família (IMESF), responsável pela atenção primária do Sistema Único de Saúde (SUS) de Porto Alegre. Pela decisão, a lei que criou o órgão deixa de existir e todas as relações jurídicas se tornam irregulares.
O IMESF foi criado em 2011 como uma fundação pública. No mesmo ano, diversos sindicatos e a associações entraram na Justiça por julgar inconstitucional a criação de uma fundação para atendimentos públicos de saúde.
O programa é composto por 264 equipes de agentes comunitários, médicos e técnicos,...

Fonte: Globo.com

RS - Porto Alegre

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS