Menu
Atualizado em 09/10/2019 às 18h00

TRF-4 mantém condenação do ex-deputado André Vargas na Operação Lava Jato

Outros três réus, porém, tiveram as penas reduzidas ou readequadas. Defesa ainda pode entrar com embargos de declaração. O deputado André Vargas (PT-PR) teve a condenação de seis anos mantida pela 8ª Turma do TRF-4
José Cruz/Agência Brasil
A 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) manteve por unanimidade a condenação do ex-deputado André Vargas, preso na Operação Lava Jato por lavagem de dinheiro. A defesa ainda pode recorrer.
O G1 entrou em contato com a advogada de Vargas, mas ela não retornou as ligações até a publicação desta matéria.
Os desembargadores consideraram que Vargas, o irmão dele, León Vargas, o empresário Marcelo Simões e a contadora Meire Pozza ocultaram cerca de R$ 2,399 milhões provenientes do contrato de R$ 71,3 milhões firmado entre a Caixa Econômica Federal (CEF) e a IT7 Sistemas Ltda.
"Não resta dúvida da influência de André sobre o banco estatal. André intercedeu junto...

Fonte: Globo.com

RS - Porto Alegre

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS