Menu
Atualizado em 23/07/2019 às 15h20

Polícia investiga falso terapeuta popular nas redes por abuso sexual em consulta


A Polícia Civil de São Paulo investiga denúncia de que um massagista popular em redes sociais teria abusado sexualmente de ao menos duas pacientes durante consultas. O caso é apurado pela 3ª DDM (Delegacia de Defesa da Mulher), no Butantã. 

O inquérito foi instaurado na última semana, e uma suposta vítima e uma testemunha prestaram depoimento nesta segunda-feira (22). 

Nelson Lemoine, 28, acumula 20,7 mil seguidores no Instagram e cita diplomas de instituições que afirmam não ter emitido certificação para ele. 

Na página, compartilha selfies, fotos de antes e depois de pacientes e registros com influenciadores digitais e artistas em todo o país. Apresenta-se como criador de uma técnica intitulada "body alignment" (alinhamento corporal) e promete aliviar dores, tensões musculares e tornar a postura ereta e natural.

Em São Paulo, Lemoine atende na Clinique de L?avenir, no Morumbi, zona...

Fonte: Folha UOL

SP - São Paulo

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS