Menu
Atualizado em 18/09/2019 às 09h20

Trabalhadores da Embraer rejeitam proposta patronal para reajuste salarial em São José

Categoria pede 3% de aumento real, reposição da inflação e renovação das cláusulas sociais sem a retirada de direito dos trabalhadores. Os trabalhadores da Embraer rejeitaram nesta quarta-feira (18) a proposta patronal para reajuste dos salários da categoria nas duas fábricas de São José dos Campos (SP). A data-base da categoria é em setembro.
Segundo o Sindicato dos Metalúrgicos, as duas propostas patronais apresentadas na campanha salarial já foram negadas pelos trabalhadores. A primeira previa congelamento dos salários. A segunda foi a reposição da inflação -3,28% - e mudanças em cláusulas sociais - como a retirada de estabilidade aos lesionados.
A última proposta foi negada em assembleia com funcionários do 1° turno. Segundo o Sindicato dos Metalúrgicos, ainda irão ocorrer votações com os trabalhadores do 2° turno e de outras empresas do setor aeronáutico.
A discussão sobre o reajuste envolve também outras empresas do setor...

Fonte: Globo.com

SP - São Paulo

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS