Menu
Atualizado em 10/10/2019 às 01h20

Diretor de nova série da Netflix, Pedro Morelli nega inspiração no PCC


Diretor da nova série nacional da Netflix, "A Imandade", que estreia no dia 25, Pedro Morelli nega que o enredo seja inspirado no PCC (Primeiro Comando da Capital), apesar das grandes coincidências entre ficção e vida real. Protagonizada por Seu Jorge, a história narra a criação de uma facção criminosa a partir de um grupo de detentos de um presídio em São Paulo no início da década de 1990 -o texto faz referência ao ano de 1994.
"Pesquisamos várias facções e temos algo de cada uma delas, sem nenhuma especificidade a esta ou àquela, diretamente", defende Morelli.
A equipe gravou por 85 dias na ala desativada do presídio de Piraquara, em Curitiba, o que exigiu um expediente que se adequasse às regras locais.
Tietado por todo o elenco, Seu  Jorge tinha o hábito de fazer crochê nos bastidores, além de cantar e tocar para o pessoal.
Leia mais (10/10/2019 - 02h00)

Fonte: Folha UOL

SP - São Paulo

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS