Menu
Atualizado em 10/10/2019 às 11h20

Morre idosa que teve 90% do corpo queimado em explosão após vazamento de gás em Santa Ernestina

Vítima estava internada na Santa Casa, aguardando transferência para hospital especializado. Filha diz que, mesmo em estado grave, a mãe ficou 14 horas na UPA: 'muita negligência'. Morreu na madrugada desta quinta-feira (10) a idosa que sofreu queimaduras em 90% do corpo, após a explosão de um botijão de gás na casa onde mora em Santa Ernestina (SP).
Maria de Fátima Pinheiro da Silva, de 64 anos, estava internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da Santa Casa de Taquaritinga (SP), aguardando vaga em um hospital especializado em queimados.
A explosão ocorreu na noite da última segunda-feira (7), quando a idosa tocou no interruptor para acender a luz de uma edícula e verificar o vazamento na válvula de um botijão de gás.
Houve um incêndio no local e o fogo destruiu três cômodos da residência, no Jardim Vanessa. Maria de Fátima foi levada à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Taquaritinga.
Filha da idosa, a cabeleireira Cleoneide...

Fonte: Globo.com

SP - São Paulo

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS