Menu
Atualizado em 11/09/2019 às 17h00

Presidente do CNPq diz que remanejamento de verbas para bolsas não é 'magia, caridade ou solução mirabolante'

Manoel da Silva disse que o remanejamento de verbas anunciado é "vender a janta para comprar o almoço". Para ele, o a resolução do problema é o aporte de R$ 330 milhões ao orçamento do órgão. O presidente substituto do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Manoel da Silva, disse nesta terça (11) que o remanejamento de verbas para o pagamento de bolsas de pesquisas anunciado pelo governo na semana passada "não é magia, não é caridade, não é solução mirabolante que a Economia colocou. É falso vender essa ideia".
O Ministério da Ciência e Tecnologia, pasta à qual o CNPq é ligado, anunciou na última terça-feira um remanejamento de R$ 82 milhões dentro do órgão. O ministério vai transferir verbas da área de fomento -- que abrangem despesas com insumos, equipamentos, viagens, materiais de pesquisa -- para o pagamento das bolsas de pesquisa relativas a setembro.
Manoel da Silva afirmou que solução para o...

Fonte: Globo.com

Saúde

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS