Menu
Atualizado em 11/09/2019 às 08h40

Saúde ou emprego? O dilema do amianto, que fez Goiás desafiar o STF

Apesar de proibido pela corte federal, por conter componentes altamente cancerígenos, o Estado hoje governado por Ronaldo Caiado aprovou lei que permite extração e exportação do amianto em nome da preservação de postos de trabalho. Governador Ronaldo Caiado sanciona lei que autoriza extração de amianto em Goiás
Em novembro de 2017, o impasse sobre o amianto no Brasil parecia um capítulo prestes a ser encerrado. Na época, o Supremo Tribunal Federal (STF) proibiu a extração, industrialização, comercialização e distribuição de todos os tipos do produto no país. Porém, o uso do material, que, conforme diversos estudos, possui elementos altamente cancerígenos, ainda é alvo de imbróglio sem data para acabar.
A proibição do amianto no Brasil, assim como já havia acontecido em dezenas de países, por ser perigoso à saúde, principalmente daqueles que trabalham diretamente com a fibra mineral sedosa.
Em 16 de julho deste ano, mesmo com a...

Fonte: Globo.com

Saúde

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS