Menu
Atualizado em 14/09/2019 às 08h20

Controverso tratamento que promete atrasar a menopausa em 20 anos deve chegar ao Brasil em 2020

Cientistas retiram partes do ovário da mulher, congelam e reimplantam anos depois para impedir menopausa. Tratamento pode custar mais de R$ 50 mil. É vantajoso para mulheres optarem por atrasar a menopausa em até 20 anos?
Getty Images/ BBC
Se você pudesse atrasar a menopausa, faria isso?
É algo que parece tão improvável que, certamente, poucas mulheres se fazem essa pergunta. Agora, porém, a clínica inglesa ProFam coloca na mesa um tratamento que, segundo eles, pode atrasar a menopausa em até 20 anos.
Eles conseguem fazer isso removendo o tecido ovariano para congelá-lo e reimplantar quando o paciente entra no estágio da vida que muitas temem e que geralmente ocorre após 45 anos.
A menopausa chega quando os ovários param de gerar estrogênio e progesterona. Este enxerto faz com que eles continuem a produção desses hormônios sexuais femininos.
Assim, a mulher continua a ovular e ter períodos durante o tempo em que o enxerto...

Fonte: Globo.com

Saúde

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS