Menu
Atualizado em 09/10/2019 às 14h20

Com estiagem, Fundação do Meio Ambiente monitora nível de lagoas em Florianópolis

Preocupação é com a fauna, que pode procurar novos habitats com a seca. Lagoa do Peri, Lagoa da Conceição, Lagoa da Chica e Lagoa Pequena estão entre os locais monitorados. Estiagem atinge lagoas da Grande Florianópolis
A Fundação Municipal do Meio Ambiente de Florianópolis (FLORAM) está monitorando o nível das lagoas do município por causa da estiagem. Com a redução de água e mudanças na paisagem, a preocupação da Floram é com a fauna. Já a Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (Casan) orienta que os moradores da Grande Florianópolis continuem reduzindo o consumo para evitar que falte água nas casas e comércios.
“Esse nível baixo das lagoas ocorre por causa do rebaixamento do lençol freático devido a pouca chuva nos últimos meses. A gente vem acompanhando os espelhos de água e o comportamento dos animais. Nossa preocupação é mais em termos ecológicos”, explica Cid Neto, chefe de Divisão de Administração das Unidades...

Fonte: Globo.com

SC - Florianópolis

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS