Menu
Atualizado em 17/06/2019 às 01h20

Mortes: Trabalhou até os 101 anos com carteira assinada


Quando chegava o final de semana, o gaúcho João Brambilla sentia falta do trabalho. Caminhava de um lado para o outro e arrumava coisas para fazer na casa. "Ficava chateado se não podia ir ao emprego", conta seu filho Aldemir Miguel Brambilla.
Leia mais (06/17/2019 - 02h00)

Fonte: Folha UOL

SE - Aracaju

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS