Menu
Atualizado em 04/09/2019 às 15h20

Insegurança e higiene rebaixam Brasil para 32ª posição em ranking de atração de estrangeiros

Último levantamento do Fórum Econômico Mundial mostrava o país em 27º lugar. Fatores como riquezas culturais e naturais ajudaram a manter Brasil em média. Turistas visitando a estátua do Cristo Redentor, considerada uma das maravilhas do mundo moderno
Alexandre Macieira/ Riotur
Um relatório do Fórum Econômico Mundial (WEF, na sigla em inglês) que aponta os países com maior capacidade de atrair turistas e estão mais preparados para recebê-los apresenta o Brasil na 32ª posição, num universo de 140 economias comparadas.
No último levantamento, feito em 2017, a situação era um pouco mais animadora: 27º lugar entre 136 países.
Fatores como insegurança e higiene puxaram o Brasil para baixo. As riquezas naturais, culturais e o turismo de negócios no entanto, ajudaram a manter uma média.
Publicado a cada dois anos, o "Índice de Competitividade em Viagens e Turismo" compara os dados de 140 países e medem o conjunto de fatores...

Fonte: Globo.com

Turismo e Viagens

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS