Menu
Atualizado em 05/09/2019 às 18h40

Ronaldinho Gaúcho é nomeado embaixador do turismo mesmo com ordem para ter passaporte retido

Escolha foi anunciada nesta quinta (5) pela Embratur. Ex-jogador foi condenado por dano ambiental pela Justiça do Rio Grande do Sul, que determinou apreensão do documento. Em junho, o presidente da República, Jair Bolsonaro, recebeu visita do ex-jogador de futebol, Ronaldinho Gaúcho, em Brasília
Marcos Corrêa/PR
O ex-jogador Ronaldinho Gaúcho foi nomeado embaixador do turismo brasileiro pelo governo federal mesmo tendo o passaporte retido pela Justiça e proibido de renovar o documento.
A escolha foi anunciada nesta quinta-feira (5) pela Embratur. Segundo o órgão, Ronaldinho é um voluntário e vai ajudar em campanhas de fomento ao turismo.
Na página oficial da Embratur, o ex-jogador disse que sua missão é "recuperar nossa imagem internacionalmente”. Ele, no entanto, não pode viajar para determinados países.
Condenação
Ronaldinho Gaúcho e seu irmão, Roberto de Assis, foram condenados em 2015 em um processo por dano...

Fonte: Globo.com

Turismo e Viagens

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS