Menu
Atualizado em 08/11/2019 às 16h20

Homem é condenado a 14 anos pela morte de preso do semiaberto no interior do Acre

Vítima foi atingida a tiros em janeiro de 2018 no Bairro Praia em Tarauacá e morreu quatro dias depois no hospital. Justiça negou direito do réu apelar em liberdade. Julgamento de Daniel de Araújo Silva ocorreu na terça-feira (5) em Tarauacá
Divulgação/Tribunal de Justiça do Acre
Daniel de Araújo Silva foi condenado a 14 anos de prisão pela morte do presidiário do regime semiaberto Izaquiel Freire de Abreu, de 30 anos, em janeiro de 2018, em Tarauacá, no interior do Acre. O resultado do júri popular que ocorreu na terça-feira (5) foi divulgado nesta quinta (7), pelo Tribunal de Justiça do Acre (TJ-AC).
O crime ocorreu no bairro da Praia, na cidade de Tarauacá e, devido à gravidade do estado de saúde de Abreu, ele foi levado para o hospital de Cruzeiro do Sul. Na época, o delegado responsável pelo caso, Alexnaldo Batista, informou que Abreu teve morte cerebral atestada. Ele morreu quatro dias após dar entrada na unidade.
Além de...

Fonte: Globo.com

AC - Rio Branco

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS