Menu
Atualizado em 18/10/2019 às 13h00

Bolsonaro questiona se óleo no Nordeste foi crime para prejudicar leilão da cessão onerosa

Presidente se reuniu na manhã desta sexta-feira (18) com oficiais da Marinha para discutir avanço das manchas de óleo. Ele disse que governo está fazendo sua parte para conter a substância. O presidente Jair Bolsonaro questionou nesta sexta-feira (18) se o óleo que alcançou praias na região Nordeste foi uma “ação criminosa para prejudicar” o megaleilão de petróleo da cessão onerosa, previsto para novembro.
Bolsonaro fez a indagação durante transmissão pelas redes sociais, na qual o ministro da Defesa, Fernando Azevedo, e militares da Marinha apresentaram a situação do avanço do óleo sobre as praias nordestinas.
Desde o fim de agosto e início de setembro, diversas manchas de óleo apareceram no litoral. De acordo com o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama), há registro de 187 localidades nos nove estados do Nordeste com manchas.
Sem apresentar indícios de que o óleo foi lançado ao mar de forma intencional, Bolsonaro disse ao...

Fonte: Globo.com

Meio Ambiente

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS